Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


SEI

O SEI define uma malha estruturadora de corredores troncais radiais e perimetrais, com integrações físicas, operacionais e tarifárias, em terminais, estações e pontos de transbordo. São 7 corredores radiais, com destino ao Centro do Recife, e 4 corredores perimetrais. O SEI tem como principais objetivos: melhorar a qualidade do serviço ofertado; ampliar a área de atendimento por transporte coletivo; reduzir relativamente às tarifas para as populações da periferia urbana; integrar e harmonizar a operação dos diferentes modos de transporte e compatibilizar a política tarifária de todos os modos de transporte público.

Além do SEI, no STPP/RMR existem corredores e linhas de ônibus e de veículos de pequeno porte, que complementam as necessidades de deslocamento da população, denominado de Sistema Complementar.

Atualmente o SEI atende aproximadamente a 44% da demanda do STPP/RMR e tem avançado em termos físico-operacionais, com a implantação do metrô e de corredores de ônibus com prioridade para o transporte público, e com a expansão de redes de linhas e terminais integrados, podendo-se afirmar que atualmente a população foi beneficiada com aumento da mobilidade e redução dos custos com transportes. Entretanto, há necessidade de se implantar intervenções nos corredores e melhorar a qualidade dos serviços, passando o Sistema a dispor de veículos mais modernos, confortáveis e acessíveis, estações de embarque/desembarque com infra-estrutura que permita aos usuários o acesso aos veículos no mesmo nível da plataforma; reduzir o tempo de deslocamento, através da prioridade de circulação para o transporte coletivo e de um sistema de cobrança das tarifas fora do veículo, entre outros atributos, que permita a esses corredores ter um desempenho semelhante ao sistema metroviário, característica encontrada no Bus Rapid Transit – BRT.

Nesse contexto, o Governo do Estado resolveu priorizar ações para a melhoria da qualidade do STPP/RMR, através da modernização e expansão do SEI, com a construção de Terminais de Integração e a implementação de Transporte Rápido por Ônibus – BRT(TRO), estando em estudos os BRT’s do Corredor Norte-Sul, Leste-Oeste e da Av. Norte.